Novas Notícias

Dia D imuniza mais de 2.700 mil pessoas em Registro-SP

A procura ainda é baixa, com apenas 43,56% dos grupos prioritários vacinados.  A Campanha prossegue até 31 de maio. 

Dia D imuniza mais de 2.700 mil pessoas em Registro-SP
Dia D imuniza mais de 2.700 mil pessoas em Registro-SP


O município de Registro-SP vacinou 2.706 pessoas contra a gripe neste sábado (4/5), o Dia D para a campanha nacional. Elas compõem o público definido pelo Ministério da Saúde e foram vacinadas em 17 unidades de saúde ao longo do dia. 

O balanço das ações foi divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica nesta terça-feira, 07.

A população prioritária do município totaliza 16.416 pessoas e desde o início da Campanha de Vacinação Nacional contra a Gripe, em 10 de abril, 7.406 pessoas foram vacinadas na cidade, o equivalente a menos da metade (43,56%).

A recomendação da Secretaria Municipal de Saúde é de que a pessoa receba uma nova dose, mesmo que tenha se vacinado contra a gripe em anos anteriores. A vacina é atualizada todo ano, de acordo com os vírus influenza que estejam circulando no momento.

A prática tem sido adotada pela gestante, Elis Regina Pereira Ribeiro, de 23 anos, grávida de sete meses de um menino. Ela confessou que antes da gestação não se importava em imunizar-se, mas “hoje eu entendo a preocupação que a minha mãe tinha e estou mais consciente da importância de estar com as vacinas em dia. Preciso cuidar da minha saúde, por nós dois” afirmou a futura mamãe.

O tímido Luiz Miguel de Souza Pereira, de cinco anos foi corajoso. “É muito importante para a nossa saúde”, afirmaram os avós, que também foram imunizados.

A campanha de vacinação contra a gripe segue até 31 de maio. As doses continuam sendo ofertadas de segunda a sexta-feira,  das 8h às 17h, em todas as unidades de saúde.

O grupo prioritário é composto por pessoas com 60 anos ou mais, gestantes, mães de bebês nascidos há até 45 dias, crianças entre 6 meses e menores de 6 anos, profissionais da saúde, pessoas com doenças crônicas ou outras condições clínicas especiais (que apresentem prescrição médica), professores da rede pública e privada, além de bombeiros, policias civis e militares (na ativa).

A escolha desse grupo segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). Essa definição também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe. São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.

Prevenção - A vacina é uma das formas de prevenção ao vírus Influenza. Higienizar as mãos frequentemente com álcool gel ou lavá-las com água e sabão, evitar aglomerações e locais fechados e compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos e garrafas, são cuidados que ajudam contra a proliferação do vírus. Quem faz parte dos grupos prioritários deve se vacinar o quanto antes, pois o agente imunizante da vacina leva em torno de dez dias para ter efeito.








Nenhum comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!