Novas Notícias

Secretaria Municipal de Saúde de Registro-SP realizará pesquisa sobre aleitamento materno e alimentação complementar


Secretaria Municipal de Saúde de Registro-SP realizará pesquisa sobre aleitamento materno e alimentação complementar

Os agentes comunitários de saúde passaram por treinamento para aplicar a pesquisa junto às mães

Secretaria Municipal de Saúde de Registro-SP realizará pesquisa sobre aleitamento materno e alimentação complementar

Para avaliar as práticas alimentares no primeiro ano de vida das crianças, a Secretaria de Saúde da Prefeitura de Registro-SP realizará a Pesquisa de Aleitamento Materno e Alimentação Complementar junto às mães do município. Para aplicar a pesquisa, os agentes comunitários de saúde passaram por treinamento nesta quinta-feira, 29/06.

A orientação foi realizada pela Secretaria com apoio do NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família) de Registro-SP, com a pediatra Dra. Paula, a nutricionista Gislene, a assistente social Dalsiza e a educadora física, Oliete. O treinamento foi com base nas questões da pesquisa que depois serão tabuladas.








“Através dessa pesquisa saberemos a prevalência do aleitamento materno, se a alimentação da criança está sendo adequada e se cumpre as recomendações da Organização Mundial de Saúde e do Ministério da Saúde, que incentivam o aleitamento materno exclusivo até seis meses de vida, com início da alimentação complementar a partir do sexto mês junto com o aleitamento materno até o segundo ano de vida ou mais, se for possível”, explica a Secretária de Saúde, Jô Rangel.  “A amamentação traz um grande impacto na redução da mortalidade infantil e em menores de dois anos, por isso a importância de incentivar e orientar as mães para essa prática”.  
                    
Na semana do Aleitamento Materno em agosto a Secretaria pretende reunir médicos e enfermeiros para divulgar o resultado da pesquisa e trabalhar propostas para melhorar cada vez mais o incentivo e o fortalecimento do Aleitamento Materno Exclusivo até seis meses e a alimentação saudável das crianças. Coordenadores e agentes comunitários de saúde também terão um encontro para discutir os resultados da avaliação.                         
Por meio da pesquisa, a Secretaria também quer saber se as mães receberam a visita da Equipe de Saúde da Família nos primeiros quinze dias de vida do bebê e como estão sendo essas visitas e orientações no aleitamento. “Os resultados nos ajudarão a planejar ações pertinentes a cada comunidade onde os agentes comunitários atuam, a fim de proteger, promover e apoiar a amamentação e os hábitos alimentares saudáveis na infância”, conclui Jô Rangel.






Nenhum comentário


Seu comentário é sempre bem vindo!

Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

Comentário Anônimo, sem nome e email , não será publicado.

Se quiser fazer contato por email, utilize o Formulário para contato

Espero que tenha gostado do Site e que volte sempre!